Quase Vaidosa : Existe amizade na blogosfera?

07/11/2015

Existe amizade na blogosfera?



Olá, amores!
Andei sumidinha, neh? Me perdoem, esta semana foi uma correria: provas, entrega de relatórios, audiência simulada (viva os estudos), estes que me renderam belas olheiras e um penteado inimigo da beleza, rsrs.

Não sei se a culpa é da TPM, da saudade dos amigos (pois estou sem tempo até pra eles, sniff), ou se estou sentimental mesmo, rs, mas, hoje resolvi falar sobre uma das coisas mais importantes pra mim: a amizade, em especial a amizade na blogosfera!

Entre umas olhadas rápidas e outras nas redes sociais (principalmente nos grupos), assistindo vídeos de algumas blogueiras/youtubers... comecei a comparar as relações na blogosfera com as relações presenciais, e por incrível que pareça não achei muitas diferenças.


  • Na blogosfera, assim como fora dela também, existem muitas pessoas legais, aquela que você vai bater o olho e já vai rolar aquela "química", talvez por afinidade, gostos em comum, admiração, e independente de trabalharem na mesma área ou não, isso não será problema algum, mas sim, motivo extra para expandir as relações, tendo em vista os objetivos idênticos.
  • Vai existir aquela pessoa que você gosta demais, ela até será legal com você, mas não irá retribuir todo o carinho e nunca vai admitir que você faça mais sucesso que ela.
  • E tem aquela que não adianta, você não vai gostar desde o primeiro contato e nada vai fazer você gostar e ponto.
  • E aquela mais comum, a famosa: não gostava de você até conhecê-la melhor, rsrs.

E existe as que eu tenho, e é delas que eu queria falar um pouquinho hoje:

Aproximadamente há três ou quatro anos, eu conheci uma pessoinha extraordinária na blogosfera, a Leticia Franco, genteeeee, tenho certeza que todos iriam querer conhecê-la também, mas fui privilegiada, hehe.

Na época trabalhávamos com vendas online e na mesma área, talvez para muitos isto poderia ser considerado concorrência, mas não para nós. Começamos a conversar e trocar ideias de vários assuntos,tudo de novidade que a Lele descobria, vinha correndo me contar, e nunca percebi nela nada que soasse como ameaçador, mas sim ao contrário, me ajudava de verdade, as vezes com dicas valiosas que as pessoas não passam pra frente nem que a vaca tussa. Com o passar do tempo, a Lele já sabia mais coisas da minha vida do que minhas amigas mais "próximas" rsrs. Sempre nos falávamos por telefone, e conseguimos nos conhecer pessoalmente (uhuuul), ela mora em uma cidade próxima e por coincidência tem parentes aqui na minha terrinha. Genteeee, pense em duas matracas, meeooo deooos, era muito assunto, pouco tempo e muita ansiedade para explicitar tudo, hahahaha. Foi aí que percebi como havia tanta coisa em comum, e como a Lele era tão doidinha e "povão" quanto eu, rs.

Só estou resumindo um pouco esta histórinha mesmo que possa parecer um pouco clichê, para fazer uma analogia com as amizades na blogosfera, no meu caso a "concorrência" era uma loja online, para muitos é um blog ou canal, que também é uma profissão.

Eu poderia agir de maneira diferente e olhar para a Lele como uma concorrente, porém optei por olha-lá como AMIGA! E, sim... foi um presente pra mim.

Passei por um problema pessoal muito difícil, e adivinha quem me ligava todos os dias? Acertou: a Lele! 

Genteee, ela me aturava choramingando por horas, literalmente. Me dava conselhos, contava suas experiências, me dava esporros. Enfim, ela sempre foi para mim tudo ou até mais do que várias amigas que estão tão" próximas" nunca foram. Nossa amizade fez valer aquela frase famosinha: 

"Existem pessoas  que apesar da distância física encontram-se sempre próximas, e aquelas que estão tão próximas fisicamente, porém ao mesmo tempo tão distante."

Devido as correrias e projetos do dia a dia nos distanciamos um pouquinho, mas sabe aquela pessoa que você pode ficar um tempão sem ver e falar e continua com a mesma importância pra você? Pois é, esta baixinha arretada é assim.

Desfiz do blog antigo e tem aproximadamente dois meses que criei este blog, e quase no mesmo período uma amiga que estuda comigo também criou o blog dela, na verdade soubemos do blog uma da outra quando já estava pronto. E, mais uma vez só vejo vantagens: a Jack do blog: Jackeline Motta, é uma parceira, a gente troca dicas, tenta elaborar projetos e temos que nos "aturar" todos os dias, hahah.

Sei que sou novinha na blogosfera e talvez eu não tenha tanta legitimidade para falar do assunto, mas o primordial, é valorizar  os laços afetivos, uma das coisas mais importantes que levaremos da nossa vida, não serei hipócrita e dizer que por isso não devemos almejar a prosperidade, até porque: money, dim dim, bufunfa é sempre muito bem vindo, rsrs. Mas, que possamos enxergar as coisas preciosas que perdemos enquanto ficamos de "picuinha", falando dos defeitos alheios, criticando, expondo o coleguinha (críticas construtivas são sempre bem vindas e devem ser ditas diretamente ao detentor das mesmas). 

Que este tempo seja gasto para ajudar, elogiar e fazer um bom trabalho. O resto é mérito do seu esforço e virá na mesma proporção!

E respondendo a pergunta da chamada: Existe amizade na blogosfera sim, da mesma forma que existe pessoalmente, com a mesma balança e equilíbrio.
Claro, sempre devemos estar atentos, pois existem pessoas maliciosas e se aproveitam da "boa vontade" dos outros. 
Mas, fazendo uma peneira bem legal, tenho certeza que dá para filtrar bastante diamante neste louco universo da blogosfera! 



Vou terminar meu post com uma frase que achei legal pra gente (frase da página: tão distante e tão perto):

"Um grande beneficio da globalização através da internet, estando distante, através dela é se sentir mais perto, "tão distante e tão perto".


Que possamos estar cada vez mais perto uns dos outros!



Beijokas



Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *